Nos últimos dias, o Corpo de Bombeiros Militar da Paraíba (CBMPB) reforçou o esquema de segurança nas primeiras noites do Folia de Rua 2019. Com o efetivo distribuído estrategicamente nos dias dos blocos, os foliões puderam brincar com segurança e também receberam atendimento dos militares da Corporação.

O trabalho do CBMPB iniciou com as fiscalizações de todos os trios que passarem pelo corredor da folia, na Capital, bem como dos palcos e estruturas metálicas montadas (camarotes). A prevenção foi realizada ainda com distribuição de pulseiras de identificação de crianças e leques informativos. O Folia de Rua se estende até o próximo dia 01 de março com o Bloco Cafuçu, que ocorre no Centro de João Pessoa.

Bloco Vumbora: Na noite da sexta-feira, que teve como atração principal o cantor Bell Marques, o CBMPB empregou 82 militares e 14 viaturas, sendo 09 operacionais e 05 administrativas. As viaturas operacionais foram estabelecidas estrategicamente em pontos bases e foram ativados 05 postos de observação ao longo do percurso. Além disso, foi realizada prevenção aquática na orla com um posto de Guarda Vidas e uma embarcação.

No total, foram realizados 71 atendimentos dos quais 21 pré-hospitalares e 48 informações, nenhum deles, no entanto, de maior gravidade. Além disso, 03 trios foram vistoriados.

Bloco dos Atletas: Com um efetivo de 80 militares empregados e 14 viaturas, entre administrativas e operacionais, o CBMPB realizou na noite de sábado um total de 66 ações, sendo 07 vistorias em palcos e trios, resultando na intervenção de 01 trio, 08 atendimentos pré-hospitalares, distribuição de 40 pulseiras e leques, 06 advertências, 13 informações. Nenhum dos postos de observação registrou ocorrências de maior gravidade.

A principal atração da noite foi o cantor paraibano Gabriel Diniz, que desceu o corredor da folia animando os foliões.

Bloco Virgens de Tambaú: O bloco mais irreverente que percorre a Epitácio Pessoa levou às ruas muita animação com os 9 trios que arrastaram os foliões na noite do último domingo. O Corpo de Bombeiros empregou 93 militares distribuídos em 7 postos, sendo ainda um Posto Médico e um Posto de Comando. Foram utilizadas 14 viaturas, sendo uma delas uma embarcação que realizou a prevenção aquática.

Ao total foram registradas 72 ações, sendo 30 atendimentos pré-hospitalares, 8 advertências, 34 informações. Destas, a de maior gravidade foi uma vítima de ferimento de arma de fogo, encaminhada pelo CBMPB ao Hospital de Emergência e Trauma, que não resistiu aos ferimentos e veio à óbito no hospital.

Logo mais à noite sairá o Bloco Muriçoquinhas do Miramar, festividade voltada para crianças e que terá como principal atração a cantora Renata Arruda. Ao final, as Muriçoquinhas se encontram com o Bloco da Melhor Idade no Busto de Tamandaré.

Corpo de Bombeiros realiza mais de 200 ações nos primeiros dias de Folia de Rua 2019